A realização periódica de consultas é uma importante medida para que problemas de saúde sejam detectados precocemente, de modo que não possam evoluir para uma doença mais grave. Nesse sentido, é muito importante consultar o médico regularmente.

Um dos principais especialistas que deve ser visitado frequentemente pelo público feminino é o médico ginecologista, que acompanha a mulher pelo resto da vida desde a sua primeira menstruação. 

Mas você sabe exatamente qual é a frequência ideal para marcar uma consulta com o gineco? Além disso, sabe qual é a importância de se consultar periodicamente com ele? Então, continue acompanhando este post e se informe sobre o assunto. Boa leitura!

Confira mais: Como se preparar para uma consulta ao ginecologista

Qual é a frequência ideal para marcar consultas com o ginecologista?

É recomendado consultar o ginecologista uma vez ao ano. No entanto, caso você identifique sintomas como menstruação atrasada, corrimento com mau cheiro, dor durante a relação sexual ou qualquer outro problema relacionado ao funcionamento da região íntima, é recomendável consultar o médico o quanto antes.

É indicado que essas visitas anuais se iniciem a partir do momento que a mulher menstruar pela primeira vez, de modo que o profissional possa orientar sobre métodos contraceptivos e os cuidados necessários para evitar a obtenção de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs).

E o retorno?

O retorno geralmente ocorre dentro de um mês, mas sempre depende especificamente do motivo que levou a paciente a procurar o ginecologista. 

O retorno é um procedimento importante, pois muitos problemas de saúde são diagnosticados com precisão apenas por meio do resultado de exames laboratoriais, os quais podem sair dentro de alguns dias ou semanas, dependendo do laboratório.

Além disso, o retorno também serve para que a paciente possa relatar se o tratamento indicado pelo ginecologista está surtindo efeito ou não, de modo que o profissional possa monitorar a eficácia do método terapêutico indicado.

A importância da prevenção ginecológica

A prevenção ginecológica passa pela consulta periódica ao ginecologista e realização de exames ginecológicos. Efetuar esse acompanhamento com frequência é de suma importância para que a mulher possa manter a saúde da sua região íntima e detectar precocemente qualquer problema que venha a ocorrer. 

Um dos principais exames que deve ser efetuado todo ano a partir dos 25 anos de idade é a colpocitologia oncótica, também conhecida como Papanicolau. Esse exame é muito importante, tendo em vista que ele tem a capacidade de identificar o desenvolvimento de câncer no colo do útero.

Outros exames fundamentais que devem ser realizados frequentemente são os que identificam a presença de DSTs.

Vale destacar também o exame de toque da mama. É recomendável que todas as mulheres realizem esse exame em si mesmas com frequência e também o façam uma vez ao ano junto ao profissional ginecologista, de modo que seja possível identificar qualquer nódulo ou cisto nas mamas precocemente.

Para mulheres a partir de 40 anos de idade, além do exame de toque, é recomendado realizar a mamografia. Caso a paciente possua algum familiar próximo que tem ou já teve nódulo ou cistos nas mamas, principalmente aqueles caracterizados como malignos, é indicado a realização de mamografia antes desse período, tendo em vista que a paciente pode ter uma maior predisposição genética a apresentar esse problema e até mesmo desenvolver um câncer de mama.

Como conseguir uma consulta com ginecologista por um preço acessível?

Como você pôde acompanhar neste post, é fundamental para a saúde da mulher a realização de consultas periódicas ao médico ginecologista com o intuito de identificar doenças de forma precoce. No entanto, para que seja possível visitar o especialista frequentemente, é necessário poder contar com preços mais acessíveis e consultas com agendamento mais rápido.

O Clude é uma alternativa ao plano de saúde no Brasil, pois conta com programas completos de saúde por a partir de R$39,90 por mês, proporcionando aos seus usuários a possibilidade de realizar consultas presencial ou virtualmente com qualquer especialista por a partir de R$35 a consulta. 

Sendo assim, se você está em busca de um ginecologista barato, entre em contato com o Clude!

Confira também: O que você pode perguntar durante a primeira consulta ao ginecologista