Com o rápido avanço tecnológico, a cada dia que passa, a consulta médica online é mais utilizada pela população. Contudo, algumas pessoas ainda não sabem a diferença entre a consulta online e a presencial e quando optar por cada uma delas.

Neste post, sanamos todas as suas dúvidas sobre o assunto. Acompanhe!

Veja mais: Consulta médica no horário de trabalho: quais são os direitos do funcionário?

As diferenças entre a consulta médica presencial e online

A consulta médica presencial é aquela que já estamos habituados a realizar. Nela, o paciente deve se dirigir até o consultório médico para ser atendido. Já na consulta online, não é necessário ir até o consultório, pois o atendimento é intermediado por algumas tecnologias, tais como celulares, notebooks, tablets e computadores com acesso à internet e câmera, além de plataformas digitais.

Em ambas as modalidades, é possível consultar e obter receitas, atestados médicos e encaminhamento para exames. A única diferença é que, enquanto a consulta presencial permite que o médico realize exames físicos, o diagnóstico da consulta online é obtido geralmente por meio da avaliação dos sintomas descritos pelo paciente e interpretação de exames realizados em laboratório.

Quando optar pela consulta presencial?

Como pôde observar, para realizar uma consulta online, é necessário dispor de alguns recursos tecnológicos. Portanto, se você não os possui, ou não sabe utilizá-los e não tem ninguém que possa te auxiliar, é necessário optar pela consulta presencial. 

Além disso, se você tiver todos os recursos tecnológicos necessários e souber utilizá-los, mas não dispor de um local silencioso e com privacidade, também pode ser interessante optar pela consulta presencial, pois os ruídos do ambiente podem atrapalhar a escuta e você pode até se sentir desconfortável em se consultar em casa.

Por exemplo: imagine que a sua casa é muito pequena e você more com sua família. Caso se consulte com um psiquiatra ou psicólogo, pode ser que você não consiga expressar tudo o que está sentindo por medo de alguém escutar. Isso pode ocorrer com outras especialidades médicas também.

Por último, se precisar realizar o exame físico para o profissional concluir o diagnóstico e não for possível que você mesmo o faça e relate o que sente ao profissional, é necessário se dirigir até o consultório.

Quando optar pela consulta online?

Caso você disponha dos recursos tecnológicos necessários, saiba utilizá-los e tenha um local apropriado para realizar a consulta online, ela pode ser feita sem problemas. Além disso, essa modalidade de consulta é muito recomendada quando o paciente possui uma rotina agitada ou deseja economizar, pois, ao realizar o atendimento online, não é necessário perder tempo e dinheiro com o deslocamento até o consultório. 

Além disso, caso você more em uma cidade que tenha pouca ou nenhuma oferta de profissionais da saúde, e necessite viajar até uma cidade vizinha para acessá-los, pode ser interessante recorrer à consulta online. Assim, é possível acessar diversos profissionais sem sair de casa.

Outro caso em que é recomendado optar pela consulta online é quando o paciente é muito idoso ou apresenta alguma deficiência que dificulta seu deslocamento.

Por fim, a consulta online pode ser uma excelente alternativa para quem necessita se consultar toda semana, mas viaja frequentemente a trabalho ou até mesmo está saindo de férias do emprego e pretende viajar, mas sem interromper o tratamento. É muito comum isso acontecer com pessoas que realizam terapia semanal. 

A vantagem de ter um cartão de desconto em consultas médicas

Independentemente de você realizar uma consulta médica online ou presencial, é interessante dispor de uma alternativa que garanta bons preços, ainda mais se você não tem plano de saúde. 

O Clude é a opção ideal para quem não tem plano de saúde, pois, a partir de R$ 39,90 por mês, você pode acessar um programa completo que oferece desconto em consultas médicas. Venha fazer parte do Clude! 

Veja também: 5 diferenciais de uma consulta médica online