Para obter um diagnóstico preciso e evitar hematomas na hora da coleta de sangue, é preciso seguir algumas recomendações importantes antes, durante e após o exame. Você sabe quais são elas? Se não, confira este artigo e saiba exatamente como proceder na hora de realizar seu exame de sangue. Boa leitura! 

Leia mais: Os principais tipos de exame de sangue que você pode fazer

O que não fazer antes do exame de sangue

Comer

Para realizar determinados tipos de exames de sangue, como os que medem o nível de glicose, ferro e creatinina, por exemplo, é necessário realizar jejum por algumas horas, tendo em vista que as substâncias presentes nos alimentos podem alterar o real resultado de alguns exames, prejudicando o diagnóstico.

Uma dica interessante para quem precisa realizar exame de sangue que requer jejum é fazê-lo pela manhã e aproveitar as longas horas de sono sem comer.

Praticar exercícios físicos

Assim como a alimentação pode comprometer os resultados dos exames, a prática de exercícios físicos também o pode, uma vez que ocasiona a queima de calorias, diminui os níveis de glicose no sangue e aumenta a produção de metabólicos.

Esses efeitos podem persistir até 24h após a realização dos exercícios. Portanto, caso você pratique exercícios cotidianamente por questões de saúde, hobbie ou até mesmo porque atua como esportista, converse previamente com seu médico para que ele avalie seu caso em particular e recomende as orientações cabíveis.

Ingerir álcool

O álcool também tem a capacidade de alterar os níveis de diversas substâncias em nosso organismo, em especial de colesterol e glicose, visto que ele interfere no metabolismo de açúcares. Nesse sentido, é preciso evitar a ingestão de álcool por 72h antes do exame.

Fumar

Como o fumo pode causar alteração de determinadas substâncias em nosso corpo, como o nível de glicose, é preciso evitar o cigarro no dia em que for realizar o exame de sangue. 

Realizar exames de imagem

Determinados exames de imagem requerem o uso de contraste por via oral, venosa ou arterial. Como o contraste é uma substância que pode causar alterações no organismo, o recomendado é não realizá-lo antes da coleta de sangue, a fim de não comprometer o real resultado dos exames.

O que não fazer durante o exame de sangue

Basicamente, é recomendado que o paciente não mova o braço durante a coleta de sangue, a fim de evitar que qualquer erro no momento da pulsão possa ocasionar dores ou hematomas posteriormente. 

O que não fazer após o exame de sangue

Massagear o local perfurado para coleta de sangue

Não é recomendável massagear a região onde foi realizada a coleta de sangue, pois isso também pode causar hematomas no braço. 

Flexionar o braço

Flexionar o braço também pode causar hematomas. Portanto, evite dobrá-lo e realizar muitos movimentos com ele após a coleta de sangue.

Realizar esforços

Por fim, é recomendável não praticar exercícios físicos ou carregar peso com o braço no qual foi realizada a coleta de sangue por aproximadamente uma hora, de modo a evitar que surjam hematomas. Caso manchas arroxeadas apareçam, é possível aplicar cremes ou até mesmo gelo na região perfurada para acelerar o processo de recuperação e evitar que o hematoma cresça. 

Como realizar exames de forma mais acessível?

O Clude é uma excelente alternativa para quem não tem plano de saúde, pois oferece um programa completo a partir de R$ 39,90 por mês, que garante inúmeros benefícios para seus usuários, como a realização de diversos exames a partir de R$ 6,57.

Assim, é possível realizar check-ups gerais periodicamente e cuidar da saúde da maneira ideal sem comprometer o bolso.

Portanto, se você está em busca de exame de sangue barato, conte com o Clude!

Leia também: 5 dicas fundamentais para quem vai fazer exame de sangue