O acesso à saúde está cada vez mais difícil para quem precisa recorrer ao SUS (Sistema Único de Saúde) ou a planos de saúde. Os planos estão cada vez mais caros e fora da realidade financeira da maior parte dos brasileiros. Junto a isso, já é observada uma movimentação anual por parte das operadoras dos planos de saúde para realizar grandes aumentos nos serviços que oferecem.

Com este post, você fica sabendo mais a respeito das melhores estratégias para reduzir o impacto do aumento dos planos de saúde, podendo contar com uma estratégia alternativa de saúde: o Clude. Acompanhe!

Aumento dos planos de saúde

O ano de 2021 não traz notícias difíceis para a saúde a respeito apenas da pandemia do novo coronavírus. Os consumidores que possuem planos de saúde também vão enfrentar o baque de um reajuste autorizado de 8,14%. O aumento está nessa faixa porque, no ano de 2020, o reajuste foi congelado por causa da pandemia.

As cobranças já iniciaram no começo deste ano, em janeiro, de modo que o consumidor já começou a pensar em outras alternativas para ter alguma segurança em relação à saúde. O importante é não ficar à mercê de planos que realizam aumentos abusivos ou não estão dispostos a negociar com os consumidores. 

Como tentar reduzir esse impacto nas contas

Para reduzir o impacto nas contas causado pelo aumento dos planos de saúde, e pelo reajuste autorizado para 2021, é possível fazer uma série de tentativas, como checar os boletos, negociar com a operadora do plano, mover uma ação na justiça, trocar de plano ou, até mesmo, cancelá-lo.

A primeira coisa que você deve fazer é analisar o boleto com o aumento. Como dito anteriormente, o teto do reajuste é de 8,14% este ano, valor que deve ser parcelado em 12 vezes. Caso esse valor esteja errado, converse com a operadora do seu plano e entre na justiça caso o plano de saúde se mantenha irredutível na cobrança de valores indevidos.

Se tudo estiver correto, tente negociar com a operadora para verificar se ela não consegue algum tipo de desconto ou redução do valor do reajuste. Se isso não for possível e o valor ficar muito pesado, você pode tentar trocar o seu plano atual por um mais básico. Isso deve ser analisado com calma para que você não perca serviços que usa regularmente e que podem não estar incluídos no novo plano.

Se nada disso funcionar, você ainda pode proceder com o cancelamento. É importante verificar algumas questões importantes antes de proceder com essa ação, como o prazo de carência, o pagamento extra do reajuste do ano passado, entre outras.

Veja ainda: Qual é a melhor alternativa para quem não tem plano de saúde?

A busca por uma alternativa ao plano de saúde

Caso você tenha optado por cancelar o seu plano, saiba que existem alternativas para que não tenha que depender exclusivamente de fazer pagamentos de consultas e exames privados ou recorrer ao SUS. Você também pode contar com a plataforma Clude, que é uma excelente alternativa aos planos de saúde no Brasil.

Saiba mais: Alternativa ao plano de saúde: o que é o Clude?

Conheça os benefícios do Clude!

O Clude é uma plataforma completa que funciona como uma alternativa de saúde, permitindo que você tenha acesso a consultas médicas e exames mais baratos, além de possibilitar a compra de medicamentos com descontos de até 60%. Se o que você busca é uma alternativa eficaz e acessível para ter acesso a serviços de saúde de alta qualidade, conte com o Clude!