Realizar o exame de ultrassom morfológico dentro do período estipulado pelo obstetra é uma importante medida para que o desenvolvimento do bebê seja acompanhado de perto, de modo que, caso seja identificada alguma malformação, as medidas cabíveis sejam tomadas.

Além disso, esse exame possibilita a identificação do sexo do bebê, verificação de descolamento da placenta, averiguação dos níveis de líquido amniótico, identificação de tumores nos ovários ou no útero da mãe, dentre outras possibilidades.

Portanto, se você deseja saber quando é recomendado fazer o ultrassom morfológico e quanto tempo dura o exame, bem como se há requisitos e contraindicações para realizar o procedimento, leia este post até o final e conheça mais sobre o assunto.

Leia mais: Qual é a melhor semana da gravidez para fazer um ultrassom morfológico?

Quando é recomendado fazer o exame de ultrassom morfológico?

É recomendado que o exame de ultrassom morfológico seja realizado durante todos os trimestres de gestação, de modo que haja um acompanhamento detalhado sobre o desenvolvimento do bebê. Confira!

1° trimestre

O ultrassom morfológico pode ser realizado no primeiro trimestre de gestação, entre a 11ª e a 14ª semana. Nesse período, o exame possibilita a verificação da existência de alguma síndrome a partir da observação da translucência nucal, ou seja, por meio da medida da nuca do feto.

2° trimestre

O ultrassom morfológico realizado no segundo trimestre possibilita uma verificação mais acurada de diversos aspectos, tais como:

  • Localização da placenta;
  • Volume do líquido amniótico;
  • Se o corpo do bebê está se desenvolvendo conforme o esperado.

3° trimestre

Por fim, entre a 28ª e 32ª semana de gestação, é possível realizar o ultrassom morfológico 3D, o qual permite que os pais possam vislumbrar a primeira imagem do seu bebê. Como o neném já está com o corpo mais desenvolvido e a tecnologia 3D permite que o profissional capture imagens com mais qualidade, é possível identificar com mais detalhes se há a presença de malformações e suas características.

Requisitos

Não é necessário atender nenhum requisito para realizar o exame, assim como não é necessária nenhuma preparação prévia por parte da gestante, sendo preciso apenas agendar o exame e comparecer no horário marcado.

Tempo de duração do exame

Apesar do exame de ultrassom morfológico ser capaz de capturar diversas informações complexas sobre o bebê, ele é um procedimento rápido de ser concluído, durando em torno de 10 a 15 minutos.

Durante esse período, a gestante é convidada a deitar em uma maca. Logo em seguida, o profissional passa um gel em sua barriga e pelve, de modo a possibilitar que a sonda deslize e capte as imagens do bebê dentro da barriga da mãe.

Contraindicações

O ultrassom morfológico, além de auxiliar no acompanhamento do desenvolvimento do bebê, não possui nenhuma contraindicação, tendo em vista que é um procedimento não invasivo e que não apresenta nenhum risco à saúde da mãe e da criança. 

Onde encontrar um exame de ultrassom morfológico por um preço acessível?

O Clude é uma alternativa ao plano de saúde no Brasil, pois possibilita que seus usuários possam contar com um programa completo de saúde na palma da mão, garantindo uma série de vantagens para seus usuários.

Por meio dele, é possível realizar exames por preços mais acessíveis, pois o Clude possui diversos laboratórios credenciados que oferecem preços especiais para os usuários.

Portanto, se você deseja realizar ultrassom morfológico barato, com o Clude, você encontra esse tipo de exame a partir de R$ 70.

Assim, é possível realizar os três ultrassons tranquilamente durante a gestação e garantir que o bebê receba toda a atenção necessária nesse período. 

Portanto, se você precisa realizar exames por um preço mais acessível, conte com o Clude!

Leia também? Diferenças entre o ultrassom normal e o morfológico